fbpx

Influenciadores digitais – como escolhê-los e tirar o máximo da sua influência

Através de vídeo ou fotografias nas plataformas digitais para vários temas ou interesses, existe inúmeros influenciadores digitais disponíveis a criar conteúdo de captação de audiência digital. Com um público que o assiste e segue (fidelizado ao seu conteúdo), é comum que marcas e empresas se sintam atraídas em fazer parcerias de forma a acelerar a comunicação do seu produto e entrar em contacto direto com o consumidor final. 

Mas, como essas empresas e negócios escolhem o influenciador ou influenciadores para divulgar o seu produto?

Aqui abordaremos alguns passos simples para a escolha do influencer ideal sem perder dinheiro em campanhas sem retorno.   

influencer digital

1º Analise possíveis influencers

Faça uma pesquisa pela rede digital que quer fazer a campanha de influência, depois de selecionada algumas figuras que apresentam um perfil que vá ao encontro dos objetivos da sua marca é altura de analisar profundamente qual deles escolher e o porquê.

2º Objetivos para a campanha de influência digital

Defina quais objetivos terá a campanha de influência. Ter isso planeado e delineado ajuda na escolha do influenciador e a definição dos conteúdos a serem divulgados. Tornar a marca mais conhecida, aumentar a audiência nos canais digitais e converter o conteúdo em vendas são alguns exemplos de objetivos.

3º Analise na integra o seu influenciador

O conteúdo divulgado é de qualidade? Basear-se apenas no número de seguidores pode ser um erro. O influenciador digital pode ter milhões de seguidores e não gerar resultados porque o número não é garantia de sucesso. O segredo está em entender o potencial do influenciador com o conteúdo que publica.

O conteúdo está diretamente ligado ao número e tipo de seguidores: se o conteúdo for de qualidade – existe interação com os seus seguidores. E forma de medir isso é acompanhar as postagens e o comportamento da audiência em relação ao que é postado.

Além do conteúdo, analise também a frequência de postagem. Os influencers que publicam conteúdo com frequência tendem a ter um público mais fiel, e isso retorna em comentários e partilhas entre os seguidores.

4º Análise o público

Para ser assertivo na parceria com o influencer é preciso perceber quem são seus seguidores (porque existe influenciadores que compram seguidores). 

O conteúdo mais publicado é um indício principal para essa análise – fashion style, maquiagem ou maternidade. Escolha uma pequena amostra dos seus seguidores e veja qual a tendência de perfis que seguem se combina ou não com o perfil do influencer selecionado.  

Numa fase mais futura de parceria, peça informações sobre os seguidores – sexo, idade, habilitações, interesses, localização. Considere pedir também as estatísticas de interação, partilhas, etc. Com essas informações fica mais apto a tomar a decisão acertada, aquela que melhor resultado vai trazer à sua estratégia de Marketing de Influência.

5º Influenciadores digitais – o nível de envolvimento com os seguidores

Uma outra coisa a levar em consideração na hora de escolher o influencer é avaliar o nível de envolvimento com os seus seguidores. Bom conteúdo retorna em interação e a forma como ele interage faz toda a diferença. Um influenciador que revela capacidades de envolvimento com a audiência, tem uma maior capacidade em influenciar na decisão de compra. E, isso retorna numa campanha com resultados visíveis – mais vendas.

influencer digital

6º É o influencer ideal para a sua marca?

Ao analisar o conteúdo do influencer, avalie se ele é alguém a quem você gostaria de ver relacionado a sua marca. Pesquise sobre eventuais constrangimentos que tenham envolvido o seu nome e/ou mesmo até que tipo de posicionamento ele tem em relação a temas com os quais a sua marca se identifica.

Considere também em ter um influenciador autêntico – alguém que humaniza o seu Instagram e não se preocupa apenas em publicar conteúdos publicitários.

Vale mais um influenciador que de forma natural mostre os benefícios do produto porque ele próprio utiliza ou poderá utilizar o produto; assim com mais naturalidade falará sobre a marca, porque é também um “cliente” satisfeito. Neste sentido, consegue reconhecimento e autenticidade na campanha.

Gostou das dicas? Mas não se esqueça esta é apenas a primeira parte de campanhas com influenciadores. Existe aqui também a necessidade em fazer a sua parte na campanha – monitorizar.

Ao definir um objetivo inicial para a parceria, torna-se mais fácil analisar os resultados. Acompanhe o crescimento no número de seguidores (tanto na página da sua marca como na página do influencer), os pedidos e mensagens recebidas nos dias das publicações.

Caso, tenha uma loja online uma boa sugestão é criar cupons de desconto para a campanha. Isso até ajuda se tiver várias campanhas com vários influencers. Dessa forma consegue medir o impacto que cada influenciador está a trazer para a campanha.

Aproveite também esta oportunidade para verificar se o perfil da sua marca vai ao encontro das expectativas dos consumidores, se é um perfil bem otimizado e se oferece conteúdo de valor.

Gestão das redes sociais
Websites Low Cost

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *